domingo, 28 de abril de 2013

Hoje


hoje apetece-me, 
voar,
mas vou ficar aqui,
apenas
a imaginar o meu voo.

BeatriceMar
foto : inez77


sexta-feira, 19 de abril de 2013

Chamei-te mar


No mais íntimo da pele

desgrenhei o vento
para te desassossegar os cabelos

escrevi na água
da chuva
para ver
como as palavras
se desmoronam

No mais íntimo da pele
lá estavas azul
tão azul tão azul
que te chamei mar

e já é tanto.
.
Autor: Eufrázio Filipe
http://mararavel.blogspot.pt/